Fazenda de Verão – Rodrigo Simões pede para sair e Jogo fica cada vez mais tenso

novembro 20, 2012



Por essa ninguém imaginava. O personal trainner Rodrigo Simões, de 33 anos, pediu para sair de a #FazendaDeVerão. O anúncio do ex-participante pegou todo mundo de surpresa e foi mostrado apenas uma parte ao final do programa de segunda-feira (19/11). No entanto, os motivos que levaram Rodrigo a tomar tal atitude e os impactos que a decisão dele causou na disputa por R$ 1 milhão será mostrado no programa desta terça-feira (20/11).

"Eu desisto. Não aguento mais. Estou com muita dor no peito, me tirem daqui o quanto antes, pelo amor de Deus. Não aguento mais", disse Rodrigo após bater o Sino [ação na qual o participante que pede para sair tem que fazer, de acordo com as regras do Jogo]. O fortão havia acabado de voltar de uma Roça positiva para ele – 71% de aprovação, que culminou na eliminação da baiana Gabriela.

Rodrigo não sabia, mas ele estava bem na fita. Por ter estendido à mão a Angelis após a grande briga da primeira festa do programa, o personal tinha conquistado a simpatia do público e já era apontado no “banco de apostas” como um dos possíveis ganhadores desta edição. Pena que Rodrigo saiu, pois ele se posicionava diante dos problemas da Casa e das questões. Era um participante que rendia história. Debaixo de todos aqueles músculos e da cara de mau, batia um coração gentil e preocupado com o coletivo. Um personagem ótimo para a edição do programa.

Por conta dos desentendimentos com Hayssam e Bianca, Rodrigo começou a perceber que o “buraco” de a #FazendaDeVerão é mais embaixo. Tem gente lá capaz de tudo para ganhar o programa. Tudo mesmo. Até passar por cima das coisas que acredita para aparecer, conquistar uma possível fama e ganhar, quem sabe, o prêmio milionário. E, para falar a verdade, não dá para aceitar qualquer coisa a um preço tão alto. Entendo Rodrigo. Por diversas vezes, assistindo o reality senti mal estar de me colocar no lugar dos participantes: a fofoca e o egoísmo come solto.

Na semana passada, lamentei a saída precoce de Gabriela. Ela era uma participante que se posicionava e que também rendia muito para edição. Agora, lamento a saída de Rodrigo, mas compreendo ele. Não acho que foi precipitado. Ele já havia dado sinais de que não estava bem emocionalmente há muitos dias. Para a saúde psicológica dele – ao meu ver, foi a melhor coisa. Para a atração, nem tanto.

Enquanto isso, Angelis cresce no programa e se torna um dos destaques. Mesmo querendo sair do reality, ainda tenho as minhas dúvidas se o público vai tirar ela mesmo da disputa. Aliás, tem hora que assessora de imprensa fica dúbia entre sair e continuar na competição. Até os participantes já acreditam que, dependendo com quem ela for, provavelmente, a moça não sai. Angelis foi uma das maiores surpresas desta edição. Um furacão que movimenta a Casa e não tem papas na língua.

Aliás, Angelis mesmo querendo a trégua com os demais participantes acaba falando algumas verdades providenciais, como ela fez com Hayssam, por exemplo, ao expor que ele é o maior jogador da Casa, manipulando as pessoas e as situações a seu favor. E para falar a verdade, acredito que Hayssam faça isso de forma intuitiva, própria da personalidade dele. 

Na semana passada, Rodrigo Simões disse uma coisa certa: o reality show não é a vida, mas ele simula a vida. Ou seja, se você age de uma determinada forma no “mundo real”, também agirá assim no reality. Acredito nisso. Nem todo mundo consegue viver dentro de um personagem por tanto tempo. Uma hora a máscara cai.

Mesmo com toda as tensões e conflitos de a #FazendaDeVerão – e a denúncia de tentativa de manipulação da produção do programa, o reality sendo uma das melhores edições do formato até hoje. Os participantes estão envolvidos com o Jogo, querem a fama e não tem medo de se expor. Para os fãs do gênero, um prato cheio.



Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e participe da comunidade no Orkut.




Jornalista

MAIS CAFÉ, POR FAVOR!

2 comentários

  1. Uma pena mesmo o Simões ter saído da fazenda. Gostava dele...tb tava achando que ele ia ganhar essa bagaça.

    ResponderExcluir
  2. Pelo pouco que vi do programa, estou achando esta edição a mais estressante de todas. Esse negócio de equipe Formiga ter que trabalhar para a equipe Cigarra dá nos nervos de qualquer um. Também entendo a atitude do Rodrigo. Tem que ter coragem para abandonar o programa assim, coisa que a Angelis só fica no gogó.

    ResponderExcluir