Documentário desnuda a TV brasileira e questiona o seu conteúdo

setembro 16, 2013



Você provavelmente já viu, mas se não assistiu ainda vale a pena separar alguns minutos do seu dia para assistir este programa que, em forma de documentário, desnuda a TV brasileira de uma maneira muito particular e repleta de reflexões.

Nas redes sociais, muitas pessoas compartilharam o vídeo deste programa inglês que fez uma espécie de documentário crítico levantando questionamentos sobre o atual conteúdo da TV aberta brasileira. É impressionante! Impressionante porque convivemos diariamente com isso, mas raríssimas vezes paramos a pensar a respeito.

Trata-se de uma atração exibida no canal Channel 4 e apresentada pela inglesa Daisy Donovan que se chama The Greatests Shows On Earth – em tradução livre seria algo como Os Melhores Shows do Planeta. Daisy é uma apaixonada por televisão. Ela viaja o mundo por diversos países para entender como a cultura local interfere ou reflete no conteúdo televisivo.

É claro que Daisy – como qualquer documentarista, fez um recorte muito singular de algo que mais chamou a atenção dela na TV brasileira: a exposição à sexualidade feminina e a violência retratada nos noticiários como show.

Daisy participou de programas de auditório, tentou entender como algumas mulheres brasileiras encaram a beleza como um primeiro passo para se tornarem famosas e ainda foi a um telejornal local na Bahia (que só cobre tragédia) para entender como esse tipo de atração é produzida e absolvida pelo público.

Por mais recursos tecnológicos e disposição de informação que temos, a TV brasileira vive a sua década mais pobre de conteúdo. Desde que comecei a trabalhar em mídia eletrônica – e a estudar também sobre o assunto, sempre me perguntei se é isso mesmo que o telespectador quer ver. Temos uma TV brasileira machista, misógina, sexista e que dá pouco espaço para a diversidade.

Infelizmente, a TV hoje está sendo conduzida na base do “vai que cola”. Se algo der certo, estica, reprisa e se copia. Além disso, pouco se valoriza a criatividade dos envolvidos, a inteligência do espectador e, em grande parte, tudo é feita por ego. 

Ego dos diretores, ego do apresentador, ego dos produtores, ego dos anunciantes e ego do dono da emissora. E o telespectador? Quando vai ser ouvido? Quando vai se sentir representado? Abaixo, assista o vídeo do The Greatests Shows On Earth about brazilian TV:



Observação: Para assistir o vídeo, ative a legenda em português do YouTube, no ícone "Legendas Ocultas" na base inferior do player, após o vídeo começar.





Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e assista os vídeos do canal no YouTube.





Jornalista

MAIS CAFÉ, POR FAVOR!

2 comentários

  1. Francisco Bertoletta16 de set de 2013 12:47:00

    Wander, não tinha visto ainda esse vídeo. Assisti agora no seu blog. Tudo bem que é um recorte como você bem pontuou, mas nos faz pensar sobre a qualidade da TV brasileira. Precisamos melhor muito, muito mesmo. Abraço

    ResponderExcluir
  2. Bacana sua análise,mas, respondendo sua pergunta: parece que realmente é o que o brasileiro que ver. Brasileiro compra jornal e revista quando tem desgraça estampada, passa o dia conferindo uma cobertura polemica qnd os canais passam horas e horas falando a mesma coisa. É por isso que muitas vezes um programa bom sai do ar, porque o ruim acaba tendo melhor aceitação!

    ResponderExcluir