29 de maio de 2012

Festival Estação New Orleans leva o melhor do Jazz para Nova Lima

terça-feira, maio 29, 2012 - 1 comentário



De   a 03 de Junho, a cidade de Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, será palco do Festival Estação New Orleans-Nova Lima. O evento irá reunir nomes consagrados do jazz, blues e choro. Na programação, mais de 20 horas de shows gratuitos de artistas do Vale do Mississipi e de bandas nova-limenses, num total de 23 bandas internacionais e nacionais.

O evento, que acontece na Praça Bernardino de Lima, na área central da cidade, vai receber no palco artistas consagrados do Jazz e do Blues internacional como Leroy Jones Quintet featuring Yolanda Windsay, Cynthia Girtley, Delfeayo Marsalis Quintet, Gary Brown & Kenny Brown, Gunhild Carling and Jazz Festival Brasil Band, Swiss College Dixie Band, Izzy Gordon, Roy Rogers e The Bob Wilber Younger Generation All Stars.

A abertura da Estação, no dia 1º de junho, será fechada para convidados no Teatro Municipal Manoel Franzem de Lima – quarta maior casa de espetáculos de Minas Gerais – com a apresentação de Leroy Jones Quintet Featuring Yolanda Windsay, um dos grandes ícones do jazz da atualidade. O Festival é uma realização da Prefeitura de Nova Lima, em parceria com a Band Minas e a produtora Cultura Livre.

Já nos dias 2 e 3 de junho, a programação toma conta da Praça Bernardino de Lima, em dois palcos montados em frente à escadaria da Igreja Matriz. O público poderá conferir grandes shows internacionais e nacionais que mostrarão o melhor dos estilos que fazem sucesso em New Orleans e em Nova Lima.

O evento vai contar ainda com grandes instrumentistas e músicos nova-limenses com apresentações que passeiam pelo blues, pelo jazz e pelo choro. Bicho Grilo, Beira Kaos, Jader Souza, Ônix, Luis 7 Irmãos e Buá Buá, Amigos do Choro, Acalanto, Cachorro Cego, Lislie Fiorinni, Fusão Música Instrumental e Dinil’Sons Jazz Band prometem encantar o público.

Parceria

New Orleans, maior cidade do Estado da Louisiana, nos Estados Unidos, é um dos destinos mais visitados por turistas e amantes do soul. O turismo é uma das principais fontes de renda da economia local. Sua vocação cultural chama a atenção com eventos tradicionais como o New Orleans Jazz e Heritage Festival, que ocorre em dois fins de semana.

Segundo o prefeito Carlinhos Rodrigues, o evento coloca a cidade em destaque no cenário musical mineiro, além de contribuir para o fomento da economia local. “Nova Lima goza dos melhores indicadores relacionados à educação, responsabilidade social, renda per capita e atratividades de investimentos. É uma cidade aberta ao mundo e nada mais natural que busque parcerias com municípios que sejam referência mundial de diversidade cultural”, afirma.

Para promover um intercâmbio entre os municípios, o prefeito propôs uma parceria musical com a cidade de Nova Orleans e enviou ao local o secretário municipal de Comunicação, Epaminondas Bittencourt Neto, que afirmou que “Nova Lima tem uma tradição cultural e musical muito rica e que deve ser mostrada para o mundo”. Segundo Bitencourt Neto, os municípios mais dinâmicos do mundo buscam recuperar sua tradição e história cultural como fatores importantes para a promoção do desenvolvimento econômico e social.

“Quando começamos a pesquisa para definir um local adequado para realizar um evento desta grandiosidade nos perguntaram por que não em Nova Lima? Não imaginávamos que encontraríamos um município tão acolhedor e tão próximo  do processo musical. Nova Lima tem um clima diferenciado, uma praça belíssima como parte de seu patrimônio histórico e algumas similaridades como período de fundação e influência inglesa”, diz o empresário e curador do evento, Leonardo Soltz.

Foco social

A Estação New Orleans-Nova Lima vai além das atrações musicais e gastronômicas. Alunos de regiões de maior vulnerabilidade social, participantes dos cursos de Inglês do Centro Municipal de Promoção da Empregabilidade (Cempre) de Nova Lima, foram escolhidos para acompanhar os músicos e atuar como intérpretes.

Além disso, será realizada uma masterclass com o norte-americano Bob Wilber – considerado um dos melhores do mundo no clarinete e saxofone – no sábado dia 2 de junho, para promover um intercâmbio entre os artistas internacionais, os músicos locais e os estudantes da Escola Municipal de Música José Acácio de Assis Costa – Zé Fuzil e do curso de música da Universidade Federal de Minas Gerais.

Para que o evento pudesse prestigiar ambas as culturas, os músicos de Nova Lima passaram por uma audição encabeçada pelo músico inglês Nik Payton. Foram escolhidas 11 bandas para tocarem no festival, que também terão suas apresentações gravadas. A ideia é entregar a cada uma das bandas um CD com um material de divulgação para que elas possam dar continuidade em suas carreiras.




Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e participe da comunidade no Orkut.




Jornalista 

  • Compartilhar:

Sobre o autor

Wander Veroni é jornalista especializado em Mídia Sociais e um entusiasta do empreendedorismo na web. Para segui-lo, basta acompanhar @wanderveroni e @cafecnoticias.
Veja outras postagens →

Mais café, por favor!

Um comentário :

  1. Cara, sou fascinado por Jazz. Parabéns a Nova Lima por promover este tipo de evento na cidade. Música de qualidade merece chegar a todas as parcelas da população. Com certeza irei....valeu pela dica.

    ResponderExcluir

E-mail Newsletter

Cadastre seu e-mail e seja o primeiro a ficar sabendo o que rola no Café com Notícias

Adaptado por Giselle Carvalho | Imagem Header Crédito Psyho .
back to top