União de vizinhos invalida ação de criminoso em bairro de BH

abril 01, 2012


Na madrugada de sábado para domingo (01/04), graças à ação rápida de vizinhos no bairro Céu Azul-A, na região da Pampulha, em Belo Horizonte – local onde moro, foi evitado um assalto a uma residência. Tudo aconteceu quando uma moradora viu um homem de blusa azul pular o muro e tentar entrar na casa de um vizinho. Desesperada, ela começou a gritar “pega ladrão”, o que fez chamar a atenção dos outros moradores da rua que também colocaram a boca no trombone e chamaram a polícia.

Por coincidência, cerca de minutos após o alarde dos moradores, um mini ônibus do batalhão de choque da Polícia Militar (PM) passou na rua e resolver parar para apurar a denuncia. Os policiais rapidamente acionaram outras viaturas na região e mobilizaram todo o quarteirão para tentar pegar o suposto assaltante. Em um dado momento, o criminoso foi visto pela PM que entrou no quintal da residência para tentar prendê-lo. Cães farejadores também foram colocados à disposição para ajudar nas buscas. Alguns policiais do batalhão de choque entraram com arma, lanterna e escudo na residência alvo do suposto assaltante para tentar prendê-lo.

Para tentar despistar os PMs, um tiro foi dado para o alto na esquina. Parte do pelotão foi atrás do autor dos disparos e outra parte ficou na rua para tentar fazer o cerco ao invasor. Há duas quadras de onde aconteceu a tentativa de entrar na residência, estava sendo realizada uma festa com grande movimentação de carros e pessoas nas ruas, o que pode ter ajudado a fuga do criminoso que poderia se passar por uma das pessoas que estava indo ou voltando da comemoração. O autor do tiro não foi localizado.

Por conta da pouca iluminação no quintal e das casas serem muito rente ao muro, o criminoso conseguiu escapar. Mesmo depois de uma grande varredura pelas quadras e pelo interior das casas que durou quase duas horas, os policiais resolveram ir embora deixando dois PMs na esquina fazendo guarita na rua durante toda madrugada.



A união dos moradores para tentar pegar o suposto assaltante me chamou a atenção e resolvi colocar tudo em tempo real no Twitter – e hoje de manhã fazer um post sobre o ocorrido aqui no blog. Infelizmente, não consegui fotografar, nem filmar, por conta da baixa qualidade de imagem da minha câmera que não filma muito bem no escuro.

Caso os PMs tivessem prendido o suposto assaltante, vislumbrei a possibilidade de termos uma boa matéria nos telejornais locais desta segunda-feira (02/04). Precisamos de matérias positivas na TV sobre segurança pública, mostrando a ação rápida de moradores e policiais para inibir o crime. É um bom exemplo. Tem vizinhos que mal se cumprimentam e que são indiferentes ao que acontece na casa ao lado. Isso é perigoso – do ponto de vista da segurança pública, pois pode ser usado a favor dos criminosos. Não temos isso aqui, mas associei ao programa Rede de Vizinhos Protegidos, da Polícia Militar de Minas Gerais. A união faz a força, e isso não é apenas um clichê.

Mesmo com o pouco entrosamento entre os vizinhos da minha rua, achei bacana a iniciativa de não se mostrarem indiferentes ao ocorrido que poderia ter tido um final mais trágico, caso não houvesse a denúncia de forma tão explícita. Como morador, fiquei acompanhando tudo de forma apreensiva e torcendo pela resolução do caso que, infelizmente, não culminou na prisão do suposto assaltante. Desde já, parabenizo a Polícia Militar pela ação rápida e pelo respeito aos moradores, tentando tranquilizar a todos. Foi uma madrugada movimentada.



Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e participe da comunidade no Orkut.




Jornalista

MAIS CAFÉ, POR FAVOR!

7 comentários

  1. Wander do céu....que coisa mais impressionante. Ainda bem que os vizinhos se uniram e a PM agiu de forma rápida. Pena que esse vagabundo fugiu...adorei o seu post e a forma como você fez a narrativa. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Francisco Bertoletta1 de abr de 2012 12:00:00

    Ao ler o seu post fiquei aqui pensando como a internet e as redes sociais estão contribuindo para mudar de forma positiva o jeito da narrativa jornalística....o que é muito bacana. Do ponto de vista do ocorrido, pena que não prenderam o suposto assaltante....ele ia ganhar um sova daquelas dos moradores e da polícia.

    ResponderExcluir
  3. O que mais gosto de te acompanhar é o fato de ficar sempre bem informada. Mesmo não tirando foto, nem ter filmado, você deu um show de jornalismo. Parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Puxa vida, que post! Se vc tivesse filmado e com a força que seu blog tem com toda certeza seria matéria nos telejornais locais, independente se prendessem ou não o criminoso. Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  5. Ei Wander querido...o que mais admiro em vc é a sua capacidade de transforma um fato em notícia e ainda nos provocar reflexão. Sou fã do seu blog! Tomara que este post sirva de exemplo para que os vizinhos demostrem mais união uns com os outros...hehehe. Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Wander! Acompanhei toda cobertura do assalto junto com você através do Face e do Twitter. Olha amigo hora de comprar uma camara se é que você já não tem. parabéns pela diligência na informação e pelo feeling de jornalista.

    ResponderExcluir
  7. Esse engajamento seria a solução para quase todos os poblemas ligadas a violência urbana no Brasil. Infelizmente, isso ainda é raro e não é incentivado pelas autoridades policiais em grande parte do território nacional.

    ResponderExcluir