Cine Café – Oscar 2013 é marcado por musicais e prêmios diversos

fevereiro 25, 2013



Nem Lincoln, nem Argo. O filme que mais conquistou estatuetas do #Oscar2013 foi As Aventuras de Pi, de Ang Lee, com quatro estatuetas – contrariando completamente as previsões dos críticos de cinema. Enquanto isso, a iniciativa de Steve Spielberg de levar para as telonas o icônico personagem da História Americana, o presidente Lincoln, que tinha 12 indicações, só faturou duas categorias. Os Miseráveis conquistou três estatuetas e Django ficou com duas. Veja a listagem no final do post.

Na parte da apresentação, Seth MacFarlane não fez feio. O humorista, roteirista produtor e criador dos desenhos Family Guy (Família da Pesada) e do filme Ted mostrou bastante segurança ao se predispor a fazer números de canto e dança, além dos tradicionais stand up. Em muitos momentos, MacFarlane me lembrou de Marcelo Adnet, devido a versatilidade de atuar em diferentes áreas artísticas e a boa performance no canto. Abaixo, confira algumas impressões:

# Muita gente achou a premiação longa. Mas, ao que parece, a Academia não abre mão das três horas e meia de cerimônia – mesmo que a intenção, a cada ano, seja chamar a atenção do público jovem e do público das redes sociais.

# Houve uma falha dos organizadores em padronizar, no vídeo, uma tag padrão para o evento que fosse mais objetiva. Utilizar #Oscar2013 seria muito melhor do que #AcademyAwards. O público também usou #TheOscars, #Oscars2013 e #redcarpet tudo para falar do mesmo evento. Faltou unidade.

# No canal TNT, na TV Paga, Fred Lessa e Sabrina Parlatore apresentaram um programa especial durante o pré-show que antecedeu ao #Oscar2013. Rubens Edwald Filho, ficou na tradução simultânea e nos comentários sobre o Oscar. Foi uma escolha acertada, porque o telespectador teve a oportunidade de assistir matérias e conferir entrevistas exclusivas direto do #redcarpet.

# Logo em seguida, o canal TNT transmitiu o #redcarpet oficial, cujo a rede de TV norte-americana, ABC, transformou, de modo mais organizado, para uma série de entrevistas ao vivo. Destaque para a atriz da Broadway, Kristin Chenoweth e para a cantora Kelly Rowland (ex-Destiny's Child), que atuaram como host, entrevistando as celebridades que chegavam ao local.

# Como apresentador principal do #Oscar2013, Seth MacFarlane brincou que os jornais dariam, no dia seguinte, que ele seria o “pior apresentador que o Oscar já teve”, fez paródia musical com as atrizes que já “pagaram peitinho” no cinema e participou de várias cenas de canto e de dança. Para o público que o conhecia pouco, ele se mostrou um bom cantor, com voz grave e bem empostada. No final, ao lado de Kristin Chenoweth, ele fez um número musical sobre os filmes inscritos que perderam o Oscar.

# Uma dica apontada pela jornalista Tatiana Vasconcelos, da Rádio Band News FM, seria a premiação ter um show único e levar ao palco apenas os principais prêmios: melhor filme, melhor diretor, melhor ator/atriz (principal e coadjuvante), melhor roteiro (original e adaptado). Seria uma alternativa.

# Não teve para ninguém. Adele levou o #Oscar2013 de Melhor Canção Original e fez uma emocionante apresentação de “Skyfall”. Assista:


# Homenageando os filmes que fizeram história nas 85 edições do Oscar, a cerimônia recriou, de forma muito envolvente, vários musicais/cenas de filmes da história do cinema. Um dos momentos mais bonitos da premiação foi a recriação do último ato de Os Miseráveis, onde todo o elenco subiu no palco. Veja:



# O site G1 reuniu as maiores gafes do #Oscar2013. Desde as caretas de Sandra Bullock, ao tropeço da atriz que ganhou o Oscar e as piadas ofensivas de Seth Macfarlane. Para conferir, clique aqui.


# Uma das maiores surpresas da noite foi a aparição da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, que ao lado do ator Jack Nicholson, apresentaram a categoria de Melhor Filme, garantindo à Argo o principal prêmio da noite. Veja:


# Kristen Stewart, a Bella de "Crepúsculo", apresentou um prêmio mancando e, logo depois, foi fotografa de muleta, mas não quis explicar à imprensa o motivo do acidente.

# Já a atriz Jennifer Lawrence, de O Lado Bom da Vida, faturou o #Oscar2013 de Melhor Atriz, mas, antes de chegar ao palco, pisou no próprio vestido, um Dior, e foi ao chão quando subia as escadas para receber o prêmio. "Como assim, o que aconteceu? Olhe para este vestido! Pisei no tecido e foi isso", desabafou a atriz na sala de imprensa.

# A Academia deixou duas impressões este ano: a primeira é de que ela continua premiando mais os filmes que mostram histórias mais otimistas  e líricas como A Vida de Pi. A segunda é que foi o ano que mais reuniu filmes que, de alguma forma, enalteceram a História dos Estados Unidos, como Django, Lincoln, Argo e A Hora Mais Escura.

# Também foi uma das apresentações mais regionais do Oscar. Não houve preocupação de falar para o mundo, mas sim para os Estados Unidos. Até as piadas e a seleção de filmes homenageados tiveram esta tendência. Muito provavelmente, quem está por fora da “cultura americana” ficou mais “perdido do que cego em tiroteio”.

# No mais, gostei da transmissão do #Oscar2013. Fiquei surpreso com alguns resultados e não esperava que Aventuras de Pi levasse a maioria das estatuetas para Casa. Também me surpreendeu Argo ter levado o principal prêmio, de Melhor Filme. Não esperava que a atriz de O Lado Bom da Vida faturaria o prêmio de Melhor Atriz. Achei que a Quvenzhané Wallis, de Indomável Sonhadora, ganharia a estatueta. Fiquei feliz por Os Miseráveis e Django terem faturado importantes prêmios, pois cada um, a sua maneira, trouxe um colorido diferente a safra de filmes comerciais, aliando história e entretenimento.

Abaixo, confira a lista completa dos vencedores do #Oscar2013:

Melhor Diretor: Ang Lee (As Aventuras de Pi)
Melhor Direção de fotografia: Claudio Miranda (As Aventuras de Pi)
Melhor Trilha sonora: Mychael Danna (As Aventuras de Pi)
Melhor Efeitos Visuais: As Aventuras de Pi

Melhor Filme: Argo
Melhor Roteiro adaptado: Chris Terrio (Argo)
Melhor Montagem: William Goldenberg (Argo)

Melhor Maquiagem: Os Miseráveis
Melhor Mixagem de som: Os Miseráveis
Melhor Atriz coadjuvante: Anne Hathaway (Os Miseráveis)

Melhor Ator: Daniel Day-Lewis (Lincoln)
Melhor Direção de arte: Lincoln

Melhor Ator coadjuvante: Christoph Waltz (Django Livre)
Melhor Roteiro original: Quentin Tarantino (Django Livre)

Melhor Edição de som: 007-Operação Skyfall e A Hora Mais Escura
Melhor Canção: "Skyfall", Adele (007 - Operação Skyfall)

Melhor Atriz: Jennifer Lawrence (O Lado Bom da Vida)
Melhor Filme Estrangeiro: Amour (Áustria/França)
Melhor Animação: Valente
Melhor Figurino: Anna Karenina
Melhor Documentário Longa Metragem: Searching for Sugar Man
Melhor Documentário Curta Metragem: Inocente
Melhor Curta de animação: Paperman
Melhor Curta live-action: Curfew      




Fotos: Getty Imagens.



Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e participe da comunidade no Orkut.




Jornalista

MAIS CAFÉ, POR FAVOR!

2 comentários

  1. Francisco Bertoletta26 de fev de 2013 06:56:00

    Parabéns pela cobertura do Oscar, Wander. Você fez um excelente painel de tudo o que rolou na premiação.

    ResponderExcluir
  2. Você colocou as duas passagens do Oscar que mais gostei no post: Adele e o elenco de Os Miseráveis. Ficou lindo! Parabéns pela cobertura do Oscar, diferente de tudo que li nos portais.

    ResponderExcluir