Pampulha Viva 2012 - Voluntários se mobilizam para limpeza da Lagoa

setembro 14, 2012

Foto: Site Espaço Turismo / Reprodução.

Um dos principais cartões postais da capital mineira irá passar por uma grande mobilização para a retirada de lixos e entulhos. É que neste sábado (15), em função do Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias, um grupo de estudantes, voluntários e professores de 17 escolas da Região Metropolitana de Belo Horizonte vão se reunir para coletar resíduos sólidos na Lagoa da Pampulha.

A atividade terá início a partir das 8h da manhã em 14 pontos da orla da Lagoa e da bacia hidrográfica do Ribeirão do Onça. Ainda, haverá mensuração e catalogação dos resíduos recolhidos e atividades culturais na Praça Geralda Damata Pimentel, localizada na avenida Otacílio Negrão de Lima, entre as ruas Exp. Celso Racioppi e Versília – próximo da Igreja São Francisco de Assis. Somente no ano passado, foram recolhidos 785 kg de resíduos sólidos.

"A intenção é mostrar a grande quantidade de lixo que é jogada ao redor da lagoa e, com isso, contribuir para sensibilizar e incentivar a população para que não haja despejo de resíduos no local", explica o gerente de Comunicação Externa e Sustentabilidade da Coca-Cola FEMSA Brasil, Andrea Souza Silva, empresa que está promovendo a iniciativa, sob a coordenação Projeto Manuelzão/UFMG e apoio de vários outros grupos.
Estudantes durante a mobilização de limpeza da orla da Lagoa da Pampulha
em 2010. Foto: Blog 
Recuperação Bacia Pampulha / Reprodução.

Para a integrante do Núcleo Cascatinha e do Grupo Coordenador do Programa Pampulha Viva, Nirma Damas, a mobilização vai de encontro à Meta 2014 de fazer com que os recursos hídricos da área urbana de Belo Horizonte possa ter vida novamente. "Nós pretendemos, neste ano, focar a questão da poluição difusa, pois acreditamos que a maioria da população não tem conhecimento da gravidade do problema. O lixo espalhado pelas ruas entope os bueiros, causando inundações, e vai para os cursos d’água, causando enchentes e a morte dos seres vivos que habitam os rios, lagoas e mares", comenta Nirma. Abaixo, assista um documentário sobre a situação da Lagoa da Pampulha:





Gostou do Café com Notícias? Então, siga-me no Twitter, curta a Fan Page no Facebook, circule o blog no Google Plusassine a newsletter e participe da comunidade no Orkut.




Jornalista

MAIS CAFÉ, POR FAVOR!

3 comentários

  1. Parabéns aos envolvidos pela iniciativa de mobilizar os mais jovens para a limpeza da Lagoa da Pampulha e, consequentemente, promover a educação ambiental. Bela iniciativa!

    ResponderExcluir
  2. Francisco Bertoletta14 de set de 2012 22:45:00

    Toda vez que vou à Pampulha e vejo aquela sujeira e mal cheiro lembro do Niemeyer que deve ficar muito triste por ver um projeto seu com um descaso político e ambiental de anos. Muito bom essa iniciativa e o documentário no final.

    ResponderExcluir
  3. Muito boa iniciativa de estudantes e professores, na recuperação dos rios, lagoas e praias.

    Seria bom se a população se conscientizasse de uma vez por todas que, se ela suja, alguém terá de limpar.

    Mas, alguém, quem? Pessoas conscientes da própria população.

    ResponderExcluir